fbpx
Noticia

AO COMANDANTE-GERAL: Jovens pedem rigor no recrutamento para PRM



Jovens da província de Maputo mostram-se disponíveis para servir a pátria através da sua filiação nas fileiras da Polícia da República de Moçambique (PRM) e, por isso, pedem a revisão e flexibilização do processo de recrutamento.


O pedido foi expresso, esta semana, no bairro T3, município da Matola, num encontro popular convocado pelo Comandante-Geral da Polícia, Bernardino Rafael, no âmbito da sua visita de trabalho às províncias de Gaza, Maputo e Maputo-cidade.


Entre as medidas que esperam ser revistas, os jovens pediram a introdução de mecanismos rigorosos de selecção dos novos ingressos, como forma de impedir a entrada de pessoas mal-intencionadas nas fileiras da corporação.


A triagem para evitar infiltração nas fileiras da corporação deve, segundo os jovens, ser muito rigorosa e incluir a apresentação pública dos candidatos nas suas zonas de residência, criando condições para que haja sigilo nos pareceres da população, para evitar represálias.


No entanto, para Bernardino Rafael, a PRM vai continuar a seleccionar os melhores filhos desta terra para servirem a corporação, daí que a comunidade é chamada a dar a sua opinião no sentido de indicar e afastar os candidatos de má conduta ou que estão ligados a grupos criminosos. Ao que explicou, em determinadas ocasiões, os infiltrados conseguem entrar na Polícia porque a comunidade “fecha” os olhos e não os denuncia, daí que pediu muita colaboração nesse sentido.    


Já na província de Gaza, os jovens incentivaram a Polícia a prosseguir com as suas acções de desmantelamento de células criminosas que têm estado a semear pânico nos distritos de Mocímboa da Praia, Palma e Nangade, na província de Cabo Delgado, para evitar que alastrem as suas incursões para outros pontos do país.


Num encontro popular no bairro de Mahungo, no distrito de Bilene, os jovens comprometeram-se a denunciar qualquer tentativa de alteração da ordem, de modo a manter a segurança para que os moçambicanos se concentrem na produção e noutras agendas de desenvolvimento do país.


Estes prometeram ainda empenhar-se no fortalecimento dos Conselhos Comunitários de Segurança (CCS) para melhor vigiar os bairros e identificar os malfeitores.


Para Bernardino Rafael, a juventude é a faixa etária que mais comete crimes, daí a necessidade de ser constantemente sensibilizada a abandonar práticas delituosas, bem como o consumo de bebidas alcoólicas e drogas.


Na sua visita às províncias de Gaza e Maputo, o Comandante-Geral da Polícia interagiu com a população, a quem prometeu reforçar o efectivo e os meios circulantes para alargar e incrementar o patrulhamento nos bairros. Do mesmo modo, reafirmou a rotação dos agentes da PRM que se encontram há bastante tempo na mesma unidade, para dar robustez às acções de combate à criminalidade.


Melhora elaboração de autos criminais


OS problemas decorrentes da elaboração dos autos nas unidades policiais do país estão ultrapassados, segundo o Comandante-Geral da Polícia, para quem já não há espaço para se cometer erros porque agora os autos passam a ser elaborados na presença do ofendido e do suspeito. Cabe ao primeiro validar, através de uma assinatura, como sinal de concordância do seu conteúdo.


“Somos apenas os redactores do que os ofendidos dizem, daí que a qualidade das nossas peças processuais tenha evoluído qualitativamente”, disse Bernardino Rafael.


No encontro do bairro de Guava, no município de Maputo, Comandante-Geral foi confrontado com problemas de disputa de terras, tendo recomendado as partes a buscarem saídas pacificas junto da administração distrital de Marracuene.


“Evitem conflitos e garantam a paz social. Apostem no diálogo para evitar os conflitos de terra. Queremos que a população centre as suas acções na colaboração com a PRM no combate à criminalidade. Para o efeito, vamos disponibilizar viatura e motorizadas para o patrulhamento de alguns bairros de Marracuene, tal como faremos em todo o país para combater, sem reservas, a criminalidade”, afirmou Rafael, acrescentando que o bairro Tsalala, no município da Matola, já possui uma nova viatura e novo comandante.


Parar instigação nas redes sociais


TODOS os agentes da PRM que usam as redes sociais para insultar e instigar a desobediência do comando estabelecido e dos dirigentes do Estado terão um único destino: a expulsão.


A chamada de atenção foi feita durante as “paradas” com colegas nos comandos da cidade e província de Maputo. Segundo explicou, a corporação conhece os principais centros de elaboração deste tipo de mensagens, daí a necessidade da sua eliminação.


Entre estes locais contam-se os comandos da PRM da cidade e província de Maputo, de Nampula e a Academia de Ciências Policiais (ACIPOL), a partir de onde são produzidas mensagens com conteúdos agressivos contra a Polícia e os dirigentes do Estado. 


“Estando uniformizado ou não, o agente da Polícia deve obediência e respeito aos governantes. Este não pode se dar ao luxo de insultar os seus dirigentes nas redes sociais, para além de que o insulto é crime. Ao agir desse modo, os colegas estão a pedir a sua expulsão. Temos mecanismos de os identificar e não haverá outra saída se não expulsá-los ou mandar a reserva ou reforma compulsiva”, advertiu Bernardino Rafael, acrescentando que é preciso acabar com a publicação, nas redes sociais, de fotografias exibindo álcool, um comportamento que será penalizado, independentemente do nível e do tempo de serviço dos seus autores, em prol dos agentes íntegros.


Redução da criminalidade e dos índices de acidentes de viação, antecipação dos fenómenos criminais, garantir a realização de eleições autárquicas sem sobressaltos, intensificar o combate à corrupção na instituição, são alguns desafios apontados pelo Comandante-Geral da Polícia, para este ano, à corporação, que prevê introduzir novo uniforme a partir do mês de Maio. 



Jornal Notícias

Related posts

La Policía Local de Granada adopta como agente canino a otro perro abandonado y busca nombre

admin

En qué consiste la nueva propuesta nuclear de Estados Unidos y por qué preocupa Rusia y a China

admin

La foto con la que Lena Dunham quiere demostrar que estar delgada no es lo más importante

admin

Leave a Comment

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.